Desde o momento em que um pet entra em nossa casa e lhe damos um nome, um lar e uma família, nossa vida já não é mais a mesma, concorda?

Mas ter um animal de estimação não é tão simples quanto parece. Há uma série de cuidados que devemos ter para que ele tenha uma vida saudável e feliz.

Ter um pet requer antes de tudo responsabilidade, pois animal não é brinquedo: ele tem sentimentos como nós; sente fome, sede, frio, calor, dor, alegria, tristeza, saudade e etc.

E não há nada mais triste do que vê-los sofrendo, não é? Quando ficam doentes então…só quem tem ou já teve sabe como é…

Saúde do pet

Humanos e Animais tem doenças em comum

Alguns animais desenvolvem doenças comuns aos seres humanos, sabia? Embora nosso organismo seja diferente do deles, temos muitas coisas em comum, inclusive algumas doenças como:

  • Gripe
  • . Otite
  • . Artrite
  • . Câncer
  • . Artrose
  • . Diabetes
  • . Depressão
  • . Obesidade
  • . Conjuntivite
  • . Alergia Alimentar
  • . Insuficiência Cardíaca
  • . Incontinência Urinária
  • . Problemas de tireoide
  • . Insuficiência Renal Crônica

Entre outras.

Quais são as doenças humanas mais comuns em Cães e Gatos?

Existe uma série de doenças que afetam tanto humanos, quanto pets, mas neste artigo falaremos de 4 das mais comuns:

Obesidade em pets
  1. Obesidade: Segundo estatísticas, mais da metade da população brasileira está acima do peso: em média 68%. A obesidade, aparentemente inofensiva, pode acarretar problemas gravíssimos, inclusive diabetes e hipertensão. A má alimentação e o sedentarismo são as principais causas da obesidade tanto nos humanos, quanto nos pets.

Dica: Cuidado com a alimentação do seu pet! Passeie com ele e leve-o ao veterinário regularmente.

  • 2- Gripe: Outra doença muito comum entre nós, ela também afeta gatos e cachorros. A gripe é vista como uma “doencinha” sem muita importância por muita gente, mas quando não tratada devidamente pode se agravar e levar à pneumonia.

Dica: Fique atento aos sintomas, pois são muito parecidos com os nossos. Tão logo os perceba, procure um veterinário.

Depressão em pets
  1. 3- Depressão: Uma das chamadas “doença do século”, a depressão, pra quem não sabe, também afeta os nossos pets. É preciso observar o comportamento deles, pois uns dos sintomas são: a apatia, perda de apetite, perda de peso e até feridas causadas por eles próprios.

Dica: Muitas vezes a depressão em pets pode ser controlada e/ou amenizada com atenção e carinho. Leva-los para passear é um excelente tratamento. Lembre-se: Você é o melhor remédio para ele! Cuide bem dele neste momento crucial! A sua companhia fará toda a diferença!

Alimentação adequada
  1. 4- Alergia ou Intoxicação Alimentar: Assim como acontece conosco, certos alimentos podem causar alergias ou intoxicação no animal, como substâncias artificiais encontradas em produtos industrializados ou até mesmo bactérias encontradas na carne crua.

Estas substâncias podem estar presentes até mesmo na ração que você dá pro seu pet, em forma de corantes e outros componentes, que em contato com o organismo pode causar reações tóxicas ou alérgicas.

Tal reação pode desencadear quadros graves de feridas ocasionadas pelas coceiras, irritação na pele, vômito e diarreia e, em alguns casos, sangramento.

Veterinários são indispensáveis

Dica: Procure oferecer uma ração de qualidade, se possível, indicada pelo veterinário e se por acaso resolver mudar de ração ou incluir outros produtos na alimentação do seu pet, não deixe de se informar sobre o assunto. Evite dar a ele alimentos de procedência duvidosa ou “comida de gente” sem saber o que o seu pet pode ou pode não comer.

São pequenos detalhes que fazem uma grande diferença na vida do seu bichinho. Vale a pena cada pequeno esforço que contribua com a qualidade de vida do seu melhor amigo.

portrait of five cute funny pets, closeup, isolated on a white background - gatos e cachorros sorrindo felizes imagens e fotografias de stock

One Comment

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *